Além dos desfiles cívicos, o feriado de Independência do Brasil, terá a 25ª edição do Grito dos Excluídos, manifestação popular que acontece em várias cidades do país. Em Pelotas, a concentração começa as 9h, e o início está programado para as 11h, na praça Dom Antônio Zattera, próximo ao Altar da Pátria. Este ano, os temas dos protestos são os cortes na áera da educação e o desmatamento na Amazônia.

O Grito dos Excluídos é um conjunto de manifestações populares que ocorrem no Brasil, desde 1995, ao longo da Semana da Pátria e termina no dia 7 de setembro. Estas manifestações tem como objetivo, abrir caminhos aos excluídos da sociedade, denunciar os mecanismos sociais de exclusão e propor caminhos alternativos para uma sociedade mais inclusiva. O tema é “Vida em Primeiro Lugar” e o lema “Este Sistema Não Vale. Lutamos Por Direitos, Liberdade e Justiça”.

Ao programa Universidade Entrevista, o presidente da Caritas Arquidiocesana, Reinaldo Tillmann falou

sobre o ato. Confira abaixo:

 

 

Reportagem: Kauã Blank

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)