AO VIVO

Ao longo de várias décadas, a Universidade Católica de Pelotas (UCPel) alterou os rumos da região Sul do Estado. Formou mais de 40 mil profissionais e assumiu o compromisso com a assistência, desenvolvendo uma obra social através de serviços gratuitos em todas as áreas de atuação. No próximo dia 7, a UCPel completa 60 anos na construção de novas realidades por meio do ensino, da pesquisa e da extensão. 

Fundada por Dom Antônio Zattera, terceiro bispo da Diocese de Pelotas, a instituição assumiu perfil comunitário, sendo uma associação pública não-estatal, sem visar lucro e tendo como principal finalidade o desenvolvimento social, econômico, ambiental e sustentável da região. 

Atualmente, possui 30 cursos de graduação, quatro mestrados e dois doutorados, que são responsáveis por pesquisas e projetos fundamentais para a comunidade. Em virtude do número de artigos publicados, lidos e citados, a produção científica da UCPel tem sido constantemente reconhecida em avaliações da CAPES e listas feitas por publicações como Folha de São Paulo e editora Abril. 

Apesar de ter reduzido o número de cursos presenciais, a instituição passou a responder a novas demandas da região, como a ampliação das vagas para Medicina, tornando-se em 2017 a maior escola médica do Rio Grande do Sul. No mesmo ano, implantou o programa de Educação a Distância (EaD), com credenciamento junto ao Ministério da Educação (MEC).

Através de uma parceria firmada com o projeto Mais Campus, a universidade ampliou o portfólio para 20 cursos na modalidade a distância e, este ano, disponibilizou ofertas em cerca de 35 especializações. O resultado é a participação de mais de mil alunos de vários estados brasileiros que estudam pelo EaD da Católica de Pelotas. 

No âmbito da extensão, 2020 marcou o recorde de 25 projetos aprovados, com o desenvolvimento de ações que promovem inclusão digital, incubação de cooperativas, oficinas artísticas, incentivo a empresas de tecnologia, auxílio jurídico, entre outros serviços. Desta forma, a UCPel se faz presente em cada bairro da cidade através da atuação oferecida por professores e alunos. 

Parte significativa dessas atividades ocorre através da prática acadêmica de cursos como Medicina, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Odontologia e Psicologia. Tal envolvimento reafirma a vocação da UCPel para a assistência em saúde, sendo responsável por 60% dos atendimentos SUS de Pelotas e região.

A Universidade assume o posto como maior parceiro do gestor público municipal na promoção, atenção e regulação da rede assistencial de saúde através de clínicas odontológica, psicológica e de fisioterapia; gerência de seis Unidades Básicas de Saúde (UBS); tratamento médico ambulatorial em diferentes especialidades e hospital próprio, o São Francisco de Paula.

Panorama atual

Uma das precursoras em educação superior, sendo a primeira universidade do interior do Rio Grande do Sul e a terceira do Estado, a Católica de Pelotas desenvolveu uma história de tradição e qualidade em ensino. A atual gestão, coordenada pelo reitor José Carlos Bachettini Júnior, tem sido marcada pela readequação da estrutura e aumento no valor de mercado. 

A renegociação da dívida tributária e bancária permitiu à UCPel voltar a investir na qualificação da sua infraestrutura. Gera, atualmente, mais de dois mil empregos diretos e indiretos por meio de seu complexo universitário e hospitalar, além de representar um incremento de mais de R$ 5 milhões ao mês na economia da cidade, a partir da renda dos seus colaboradores.

No ano do jubileu de diamante, a instituição comunitária se viu frente a novos desafios, incluindo o enfrentamento à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Ao lidar com uma situação complicada, a UCPel não parou suas atividades, adaptando as aulas teóricas para o ensino remoto e mantendo as atividades práticas conforme as medidas de distanciamento previstas nos decretos municipais. 

Durante os últimos 60 anos, a universidade passou por tantas transformações que não se pode limitar o quanto a instituição ainda irá contribuir para o desenvolvimento de Pelotas e região. “O papel da UCPel é continuar transformando por um projeto pedagógico inovador, formando líderes éticos e, principalmente, pessoas colaborativas na sua comunidade”, acredita o reitor Bachettini.

Programação comemorativa

Para este aniversário, a UCPel organiza o evento Cenários, Expectativas & Oportunidades, que ocorre na próxima quarta-feira (7). Constitui em uma série de lives que abordam questões relacionadas à política, educação, desenvolvimento regional e comunicação. 

A programação inclui bate-papo com o vice-presidente da República, Hamilton Mourão (11h); egressos participantes do projeto Cápsula do Tempo (14h); jornalista do Grupo RBS, Túlio Milmann (16h); e a apresentadora da Rádio Gaúcha, Kelly Matos (19h). 

As lives são destinadas para a comunidade em geral e ocorrem no canal da UCPel no YouTube (www.youtube.com/ucpel). Inscrições gratuitas, com emissão de certificado de cinco horas, podem ser realizadas pelo www.ucpel.edu.br/cenarios.

Comunicação e Relacionamento
Imprensa
Universidade Católica de Pelotas (UCPel)
Rua Gonçalves Chaves, 373 - Prédio C sala 425
(53) 2128.8208