AO VIVO

Por: Aline Klug

A espera acabou. Após muitas polêmicas envolvendo o clássico pelotense, nesta quarta-feira (29) a Prefeitura de Pelotas confirmou a liberação da partida na cidade. Uma vistoria será realizada no estádio da Boca do Lobo, pela Vigilância Sanitária, e a partida deve acontecer no sábado.

A caminhada até a liberação do clássico foi longa. Inicialmente marcado para o dia 22 de julho, no reinício do Campeonato Gaúcho, o jogo foi adiado porque um dos jogadores do Pelotas, que havia participado de treinamentos coletivos, testou positivo para a Covid-19. Segundo a prefeita, o presidente do clube, Gilmar Schneider, havia confirmado esta informação, que logo foi desmentida pelo departamento médico e formou-se o desencontro de informações. As autoridades informaram que o clássico só poderia acontecer após 14 dias do diagnóstico, e que as pessoas contactantes deste atleta precisariam cumprir isolamento, ou seja, Bra-Pel apenas no dia 29 de julho.

No domingo, a Federação Gaúcha de Futebol chegou a confirmar o jogo para terça-feira (28), porém no dia seguinte os jogadores do Brasil posicionaram-se contra, uma vez que seriam apenas 48 horas de diferença entre as partidas.

Agora, com a liberação, o jogo entre Pelotas x Brasil deverá acontecer na Boca do Lobo no sábado (1º). O horário ainda não foi divulgado.

A prefeita Paula Mascarenhas afirma que recorreu ao Comitê de Crise. “Diante do fato de que o Campeonato Brasileiro será retomado, de qualquer forma, acreditamos que seja melhor e mais seguro que os jogos se realizem em Pelotas. Assim, poderemos fiscalizar e ser até mais rígidos que o protocolo da CBF. Esse protocolo, que é bastante detalhado, está sendo analisado pela equipe técnica da saúde”, afirmou. 

Imagem: Reprodução Internet