Por: Aline Klug

O vereador Fabrício Tavares-Progressistas protocolou na manhã desta segunda-feira, 16.03, um Pedido de Providências que estabeleça uma ação direta por parte do Executivo Municipal contra o Coronavírus no âmbito do município de Pelotas. O pedido tem base no Regimento Interno da Câmara Municipal, Art. 157, inciso VIII, c/c Art. 167.

A ideia do vereador é que a prefeitura acelere ações com o intuito de estabelecer medidas de prevenção contra a disseminação do Coronavírus em Pelotas e propõe estabelecer um padrão de comportamento no convício social, para que se preserve vidas e se garanta o bem-estar da população. ‘ – É preciso uma ação imediata em relação aos padrões sociais de comportamento e a necessidade de se suspender imediatamente eventos com aglomerações de pessoas, como o Carnaval 2020. Não tem sentido, neste momento de apreensão, que estejamos discutindo Carnaval. É um contrassenso inaceitável e há que se ter uma ação direta em relação a outros eventos com aglomerações. O momento exige ações efetivas, é o que estamos presenciando em todo o mundo’, enfatiza Fabrício Tavares.

O Pedido de Providências contém os seguintes termos: A implementação imediata de campanha institucional nos veículos de comunicação com o intuito de orientar a população em geral a tomar as medidas preventivas necessárias contra a disseminação do vírus; Suspensão do Carnaval 2020 e atividades de toda natureza que gerem aglomerações; Suspensão das atividades educacionais em todas as escolas, universidades e faculdades, das redes de ensino pública e privada.

“- As pessoas físicas e jurídicas deverão sujeitar-se ao cumprimento dessas medidas previstas e o seu descumprimento acarretará responsabilização, a ser definida pelo Poder Executivo”, finaliza Fabrício Tavares.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)