A partir desta terça-feira (7), entra em vigor a mudança nos sentidos da rua Dom Pedro II, a partir do entroncamento com a avenida Saldanha Marinho, até o final da via. Estão proibidas as conversões à esquerda e uma nova rotatória auxilia no controle do tráfego. Os ônibus do transporte coletivo estacionam em novo local.
A Prefeitura concluiu, na sexta-feira (4), a obra de pavimentação no trecho entre a avenida Saldanha Marinho e a rua Marcílio Dias. A colocação de asfalto do lado direito da via, sentido centro-bairro, possibilitou a construção de uma rótula e a melhor organização do trânsito no local. A Secretaria de Obras e Pavimentação (Smop) concluiu a aplicação de material asfáltico em trecho de 1,5 mil metros quadrados.

A Secretaria de Transporte e Trânsito (STT) fez a sinalização. As intervenções de requalificação, que se iniciaram na metade de março, são fruto do trabalho integrado da STT e Smop. Conforme o secretário de Transporte e Trânsito, Flávio Al-Alam, a nova rotatória vai reorganizar o tráfego na bifurcação das vias.

 

Novo terminal na antiga passarela
Os ônibus que ficavam estacionados no entorno da rua Dom Pedro II passarão a ter um local específico. A assinatura do “instrumento particular de cessão de uso de imóvel, com transferência de potencial construtivo”, entre Prefeitura e o Supermercado Guanabara S.A., possibilita o aproveitamento da área da Praça Rio Branco, antiga passarela do samba, para o novo terminal.

A STT, em conjunto com o Guanabara e o Consórcio do Transporte Coletivo de Pelotas (CTCP), realizou melhorias nas calçadas, meios-fios, pintura e pavimento. O CTCP construirá um ambiente de convivência para os trabalhadores dos ônibus. O supermercado recebe outro local, ainda não definido, com potencial à edificação.

 

Por Kimberlly Kappenberg/ASCOM

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)