As psicólogas da Unimed Pelotas Bruna Borges e Isabelle Schmidt participaram do Bom Dia Ru:

E mais um setembro se inicia com ele vem um feriado nacional, início da primavera e claro o setembro amarelo. Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio, com o objetivo direto de alertar a população a respeito da realidade do suicídio no Brasil e no mundo e suas formas de prevenção. Ocorre no mês de setembro, desde 2014, por meio da identificação de locais públicos e particulares com a cor amarela e ampla divulgação de informações. Essa campanha é uma iniciativa do CCV (Centro de Valorização da Vida), CFM (Conselho Federal de Medicina) e ABP (Associação Brasileira de Psiquiatria).

No Brasil entre 1980 e 2014 a taxa de suicídio entre jovens de 15 a 29 anos aumentou 27,2%. Uma situação realmente preocupante. Um dos fatores que contribuíram para esse aumento no número de suicídios foram os transtornos de ansiedade e a depressão, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), o Brasil é o campeão mundial de pessoas com transtornos de ansiedade e o quinto em número de pessoas com depressão, isso significa que 11,5 milhões de brasileiros. (Vou deixar aqui um link de um artigo que achei muito interessante para quem quiser saber mais sobre o assunto Suicídio em adolescentes e adultos jovens estão aumentando no Brasil: quais seriam as razões?).

Essa é uma campanha muito importante para mim, pois, só quem já passou por isso sabe o quanto é difícil conviver com pensamentos suicidas, já contei um pouco da minha história aqui no blog, para quem não sabe vou deixar aqui o link (Será essa a solução?). A mente de uma pessoa que desistiu de viver se encontra totalmente perturbada e triste, mas, não é aquela tristeza que dá e passa, é uma tristeza que persiste dia e noite. A pessoa nem pensa na morte direito ela só quer acabar com aquela dor insuportável, onde infelizmente ela ver a morte como a única saída.

Então vamos divulgar ao máximo, e tratar o assunto com a seriedade que ele merece, sem piadas e brincadeiras, que nós não sejamos o motivo para que outra pessoa queira tirar sua vida, então muito cuidado com as piadinhas, zoações de mal gosto, pode ser só uma brincadeira para você e ser totalmente ofensivo para a outra parte.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)